domingo, 25 de maio de 2014

A emigração e a fuga de cérebros são um grande problema português. Especialmente esta última, porque na maior parte dos casos não se faz acompanhar do resto do corpo.

Sem comentários: